quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Vitória com ferros á mistura



Sporting recebeu o Penafiel e venceu por 4-0, com golos de João Pereira, Valdés e um "bis" de Alberto Zapater. A vitória consolida o 1º lugar no grupo e a qualificação para as meias-finais quase assegurada, bastando apenas um ponto. 
Até aos 35 minutos os visitantes mostraram bom futebol mas criaram poucas oportunidades de golo.
O Sporting cresceu a partir do remate de André Santos ao poste conseguindo trocar bem a bola entre si criando algumas situações de perigo. Até que aos 44 minutos após erro tremendo de Márcio Ramos João Pereira abre o activo em Alvalade a passe de Liedson que aproveitou um mau passe do guardião doriense. Aos 71 minutos, o chileno Valdés assinou o segundo golo de grande penalidade, cometida sobre Liedson, e o destino da partida ficou praticamente selado a partir daí.
O Penafiel ainda teve a possibilidade de reentrar no jogo, aos 75 minutos, quando Wesllem completamente isolado em posição frontal à baliza permitiu que Tiago fizesse a defesa da noite, quando deveria ter tentado driblá-lo, opção que teria grandes hipóteses de culminar em golo ou penalti.
No último quarto de hora, o Sporting geriu confortavelmente a vantagem e ampliou-a mesmo, pelo suplente Zapater, aos 83 e 91 minutos, castigo pesado para um Penafiel que nunca se entregou e que até ao segundo golo não foi inferior, o que é sintomático da modesta exibição "leonina".


Destaques:
Valdés- Já é hábito tê-lo como destaque, a cada jogo. Ele joga e faz jogar primando exibições de alto nivel. 
Zapater- Entrada á leão e dois golos, o primeiro de belo efeito, num remate em força, à entrada da área. Depois, já com toda a tranquilidade do mundo, passou por Márcio Ramos e fez o 4-0. 
Liedson-  Foi a crença do levezinho que levou Márcio Ramos a errar, pois, provavelmente, qualquer outro teria deixado o guarda-redes em paz. Depois, arrancou a grande penalidade. Não marcou, mas resolveu.

                          

2 comentários:

Anónimo disse...

O jogo Valeu pelos 4 golos e as três bolas nos Ferros. Agora o que me deixou muito f....o foi saber que estes anormais emprestaram o amido baldé ao Casa Pia qd não têm dinheiro para ir buscar o tal pinheiro, é que o menino só têm 1.93 cm, claro que não podiamos esperar que chegasse e começasse a marcar golos que nem um louco.

Leo disse...

Pois. Partilho da mesma opinião que o SR. "Anonimo". Temos um pinheiro á mão e nao utilizamos (Baldé).
Depois ainda temos Wilson Eduardo e Owusu